quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Pico do Jaraguá - OBRIGATÓRIO!!!

Jaraguá em Tupi significa: Senhor do Vale
O Pico do Jaraguá, é o ponto turístico mais visível de Sampa, com céu limpo, é possível se avistar de quase todas as regiões da cidade. Porém é um dos mais distantes...

Mas é imperdível e obrigatório conhecer e visitar o Pico, que é o ponto mais alto da metrópole com 1.135m e de onde se tem uma visão privilegiada e que da a noção do tamanho da cidade, além de ser um passeio com muito verde em área preservada de mata atlântica.


Aos pés do Pico, tem um parque com todas as instalações, churrasqueiras, brinquedos e até uma tribo de índios...o legal é uma trilha - a pé- não muito difícil que leva até o alto.
No alto do Pico tem toda infra-estrutura para o visitante, banheiros, segurança, mirantes, lanchonete e até uma feirinha de artesanato.
Vamos ao pedal, foram 75km de pedal entre ida e volta, mas o legal foi enfrentar uma das maiores subidas da cidade, com quase 5km!!! - comparável a esta, só uma na Serra da Cantareira e que vou encarar logo mais.
É uma estradinha de mão dupla, bom asfalto, muito verde dos lados e subida, subida e mais subida, fazia mais de 10 anos que não subia de bike o Pico, mais precisamente 14 anos, pois lembro bem que tinha completado 30 anos quando fiz este pedal e lembro também o quanto eu sofri, fiz a subida sem paradas, mas lembro que no último quilómetro, estava tão devagar que até corredor subindo a pé me passou e me incentivou. Mas completei a subida e me senti o máximo, 30 anos e fazendo esta façanha!!! Há, mas agora aos 44, enfrento o desafio novamente e novamente consigo subir sem parada, foi difícil é claro, agora com menos sofrimento e o final, lá no topo a sensação é indescritível, muito prazer, realização pessoal intensa, comemorei como se tivesse marcado um gol importante, agradeci a Deus pela saúde e a oportunidade desta superação, completada pelo visual...Já no alto, depois da recuperação do fôlego, de me hidratar, alimentar, fotografar, etc, quando me preparava para a descida, encontrei estes dois bikers speedeiros, gente fina os caras. Conversamos um pouco e combinamos de voltar juntos, pois iriam fazer o mesmo caminho de volta por um bom trecho, mas como iria acompanhar estes caras de speed?
- Não tem problema - eles falaram - é vir no vácuo que a gente te puxa.


Nesta foto dá para ter uma ideia da estrada, agora uma enorme e desafiadora descida, vamos nessa!!!
Descida animal, velocidade , curvas e frio, descendo "segurando" o ímpeto, ainda bati quase 60km/h, os caras de speed, mais de 80 ... prazer e adrenalina!!!
Mas, quando pensava que todo o prazer do passeio tinha terminado, estava enganado, pois pegar o vácuo, encaixotado nas duas bikes speed, foi muito legal, parecia que estava num pelotão do Tour de France, pedalando a milhão encostado no pneu do parceiro, sem resistência alguma de vento, uma experiência muito interessante para quem nunca andou em pelotão, já andei bastante em vácuo, de outras bikes, até de ônibus, moto e caminhões, mas desta vez foi um trajeto mais longo e só sendo "puxado", em uma velocidade que nunca pegaria e cada vez que perdia o ritmo e ficava 1,00m para trás, já perdia o vácuo e tinha de gritar para os caras me esperarem.

O que está esperando para ir ao Pico do Jaraguá?
Infos:http://www.picodojaragua.com.br/ ,
http://pt.wikipedia.org/wiki/Pico_do_Jaragu%C3%A1

Obs.: não lembro o nome dos bikers, mas um dia a gente se encontra.

É isso, um abraço.

Alexandre Loschiavo

Leitor, faça o seu comentário, crítica ou sugestão.
Achou algum erro de português? Me avisa.

3 comentários:

Pedro Lima disse...

ainda estou na fase de treinamento, estou fazendo cerca de 15 km por dia e de fim de semana 40km, pedalo a pouco tempo mas vou enfretar o pico amanha 27/10.
Obrigado pela dica.

rafaela disse...

gente quero ir no pico nessas ferias de julho ... nunca fui mas quero muito encarar mas nao tenho grupo ... se souberem de uma galera que vai com frequencia me avisem por favor :)

Luiz Fernando Magskull disse...

Muito massa, quero fazer essa subida qualquer hora.

Comecei a pedalar pela capital agora.
Mas já vou trabalhar de bike.

Parabéns pelo blog.